Perseguição hoje: Cristã acusada de blasfêmia no Paquistão

Paquistão: saúde mental de Asia Bibi corre perigo
Diretor da Fundação Masihi informa sobre a situação da acusada

LAHORE (Paquistão), quinta-feira, 22 de dezembro de 2011 (ZENIT.org) – Asia Bibi, uma mulher cristã acusada de blasfêmia contra Maomé e condenada à morte em novembro de 2010, precisa de cuidados médicos urgentes para não sucumbir a graves transtornos mentais.

O alarme sobre a situação foi lançado pela agência Fides (20 de dezembro), que coletou as últimas declarações do diretor da Fundação Masihi (MF), Haroon Barkat Masih, que presta assessoria jurídica e material para a mulher, presa desde 9 de junho de 2010. Conforme relatado pela Agência Fides, Asia Bibi precisa de “um completo exame médico”.

Uma delegação internacional da fundação pôde atender Bibi nesta segunda-feira (19) na prisão de Sheikpura, para verificar suas condições, oferecer palavras de consolação e enviar saudações de Natal. Condenada à morte em primeira instância em 7 de novembro de 2010, o processo de recurso ainda está pendente na Alta Corte de Lahore.

No final da visita, a fundação divulgou uma declaração dramática. “Por causa do seu isolamento, Asia Bibi, 46 anos, parece consideravelmente mais velha, tem a pele Leia mais deste post

%d blogueiros gostam disto: