Perseguição hoje: Paquistão – jovem católica sequestrada e islamizada

Igreja Católica no Paquistão se mobiliza para libertar jovem católica seqüestrada e islamizada a força

ROMA, 14 Jun. 11 (ACI) .- “A Igreja Católica no Paquistão está fazendo de tudo para libertar Farah e restituí-la à sua família” afirmou Dom Andrew Francis, Bispo de Multan, diocese onde Farah Hatim, uma jovem católica foi seqüestrada na cidade de Rahim Yar Khan (sul da província de Punjab), forçada a casar com um muçulmano e converter-se ao Islã.

Em declarações à Agência Fides, Dom Francis disse que “nos últimos dias, a pressão da sociedade civil e da comunidade internacional cresceu e a Igreja do Paquistão começa a alimentar a esperança pela a libertação da menina: A Comissão “Justiça e Paz” foi ativada e usará todos os meios à sua disposição”.

“Estamos mantendo conatos com altos funcionários da polícia para tentar destravar esta triste questão. Estou confiante numa solução positiva. Temos muita confiança em Deus e nos frutos da nossa oração”, confidenciou à agência vaticana Fides o Bispo de Multan.

A Comissão “Justiça e Paz” da Conferência Episcopal do Paquistão está concluindo sua investigação do caso, que é emblemático de um fenômeno generalizado: acredita-se que pelo menos 700 jovens cristãs são seqüestradas e islamizadas a força anualmente. 

Segundo fontes da agência Fides, para o próximo passo para definir o caso, a Igreja poderá tentar uma ação judicial ao Supremo Tribunal de Lahore, pedindo o respeito pelos direitos humanos e pela liberdade individual da jovem, que agora vive segregada. 

Fides também denuncia que um tribunal de primeira instância já havia declarado o caso “fechado”, baseando-se numa declaração escrita em que Farah afirma ter se casado e convertido por sua vontade. A família da jovem disse, no entanto, que a declaração foi extraída sob ameaças e torturas.

Fides informou também que algumas ONG cristãs credenciadas no Conselho da ONU para os Direitos Humanos em Genebra, estão acompanhando o caso de Farah e pretendem elaborar um relatório que será apresentado ao Alto Comissário da ONU para os Direitos Humanos.

Santo Tomás de Aquino, Suma Teológica, Igreja Católica

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: