Esclarecimento: Tomás e o burro de Shrek

Recebi algumas mensagens com dúvidas e mesmo com alguma indignação sobre a autoria do conteúdo que coloco no blog. E tudo por causa do meu (infeliz?) comentário no post “Tomás responde: O diabo desejou ser como Deus?“, onde escrevi a fatídica frase “[com exceção, talvez, do asno do Shrek…]”. Isso pede, portanto, algum esclarecimento. Devo dizer, pois, que todos os artigos da Suma que coloco são reproduzidos NA ÍNTEGRA, sem omissão de conteúdo. Normalmente estão nos posts intitulados “Tomás responde: …?”, e também o “RESPONDO” é de santo Tomás.

Porém, não sendo o autor deste pobre blog desprovido de um refinado (???) senso de humor que às vezes se mostra um pouquinho exagerado aos olhos dos mais desavisados, sometimes este se mostra em quadrinhos como o do artigo “Existe guerra justa ou guerrear é sempre pecado?” e “A zombaria pode ser pecado mortal?” (afinal, que mal nos poderia fazer Charlie Brown, Hagar the Horrible, Garfield, Frank and Ernest e outros?), em vídeos como o de Spike Jones ( “Beber vinho é pecado?‘) ou em comentários infelizes como o do polêmico burrinho.

Enfim, como costumo dizer, “Tomás é 10!” e “Metafísica é vida!”. Apenas desconfiem dos textos que aparecerem entre “[  ]”, certo? Estes sim podem ter algum comentário infeliz deste pobre ignorante e poderiam fazer o grande Tomás se revirar no túmulo, caso já não estivesse glorioso nos céus, como nos mostra o querido Dante no post abaixo. Aproveito para mandar um grande abraço ao amigo John K. Neeno e ao querido James the Bald, que não se cansam de incentivar-me na busca da verdade.

Anúncios

4 Responses to Esclarecimento: Tomás e o burro de Shrek

  1. Eduardo Ramirez says:

    Salve Maria !
    Boa tarde David.
    Teu blog está entre os melhores sobre o Aquinate e sua obra.
    Continue assim e não caia na pieguice e afetação dos outros.
    Vida longa ao blog 😉

  2. Maite says:

    Eu concordo com a Mírian integralmente.

  3. Mírian Macedo says:

    David, Deus não condena o bom humor. Nosso Senhor Jesus Cristo era solene, não macambúzio ou mal-humorado. Os grandes anúncios das Sagradas Escrituras são, geralmente, precedidos pelo convite:”Alegrai-vos”. Dito isto, confesso que algumas frases de tua autoria, colocadas entre parênteses nos originais de Santo Tomás de Aquino, dão-me certo incomôdo, soam meio deslocadas. Eu preferia ler o texto integral. Por que tu não usas o asterisco para remeter a teus comentários? Assim, tu podes manter o original sem deixar de comentar o texto com humor .

  4. Mírian Macedo says:

    David, Deus não condena o bom humor. Nosso Senhor Jesus Cristo era solene, não macambúzio ou mal-humorado. Os grandes anúncios das Sagradas Escrituras são, geralmente, precedidos pelo convite:”Alegrai-vos”. Dito isto, confesso que algumas frases de sua autoria, colocadas entre parênteses nos originais de Santo Tomás de Aquino, me dão certo incomôdo, soam meio deslocadas. Eu preferia ler o texto integral. Por que você não usa o asterisco para remeter a seus comentários? Assim, você mantém o original e não deixa de comentar o texto com humor .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: