Tomás responde: Deve-se adorar a mãe de Deus com adoração de latria?

Theotokos de Vladimir (séc. XII), também conhecido como Nossa Senhora de VladimirVirgem de Vladimir ou Vladimirskaya (Russo: Владимирская Богоматерь), é um dos mais venerados ícones ortodoxos. A “Theotokos” que significa literalmente “Portadora de Deus” ou alternadamente Mãe de Deus, é considerada como a protetora da Rússia. O ícone encontra-se na galeria Tretyakov, Moscou.

Parece que se deve adorar a mãe de Deus com adoração de latria, pois:

1. Parece que a mesma honra deve ser tributada ao rei e à mãe de rei, como afirma o livro dos Reis: “Foi colocado um trono para a mãe do rei e ela se sentou à sua direita” (I Re 2, 19). E Agostinho diz: “É justo que o trono de Deus, o leito nupcial do Senhor do céu e o tabernáculo de Cristo estejam lá onde se encontra o próprio Cristo”. Ora, Cristo é adorado com adoração de latria. Logo, também sua mãe.

2. Além disso, afirma Damasceno que “a honra à mãe remete ao filho”. Ora, o Filho é adorado com adoração de latria. Logo, a mãe também.

3. Ademais, a mãe de Cristo esteve mais unida a ele do que a cruz. Ora, a cruz é adorada com adoração de latria. Logo, também a mãe deve ser adorada com a mesma adoração.

EM SENTIDO CONTRÁRIO, a mãe de Deus é pura criatura; portanto, não lhe é devida adoração de latria.

RESPONDO. Dado que a latria é devida exclusivamente a Deus, não é devida a nenhuma criatura em si mesma. Pois, embora as criaturas insensíveis não tenham condições de ser veneradas em si mesmas, a criatura racional pode ser venerada por si mesma. Por isso, a nenhuma simples criatura racional se deve o culto de latria. E como a virgem bem-aventurada é uma simples criatura racional, não lhe é devida uma adoração de latria, mas unicamente uma veneração de dulia; de forma mais eminente, contudo, do que às outras criaturas, por ser a mãe de Deus. Por isso, se diz que lhe é devido não um culto de dulia qualquer, mas de hiperdulia.

Nota: Se veneramos os objetos inanimados na medida em que possuem uma certa relação com Cristo, por mais forte razão devemos venerar sua mãe, cujas relações com ele foram e são incomparavelmente superiores. Essa veneração não pode ser de latria, nem mesmo relativa, mas é claro que o culto de dulia que lhe é dirigido é tanto mais superior à dos outros santos na medida em que sua perfeição é maior. Daí a introdução por Santo Tomás do termo hiperdulia, que ele utilizou para se referir ao culto prestado à santa humanidade de Cristo. Não se deve esquecer, todavia, que a Virgem só possui essa excelência em total dependência da excelência do Verbo encarnado.

Quanto às objeções iniciais, portanto, deve-se dizer que:

1. A honra devida à mãe do rei não é a mesma que a que se deve ao rei; mas uma honra que se lhe assemelha, em razão de sua dignidade. É o sentido dos textos aduzidos.

2. A honra da mãe remete ao filho, porque ela mesma deve ser honrada por causa do filho. Mas não da maneira como a honra da imagem remete ao modelo, porque a imagem em si mesma, se considerada como uma coisa, não deve ser venerada de forma alguma.

3. A cruz, considerada em si mesma, não é objeto de veneração, como já foi dito. Mas a bem-aventurada Virgem, em si mesma, é passível de ser venerada. Por isso, a razão não é a mesma.

Fonte: ST, III, 25, 5

Anúncios

3 Responses to Tomás responde: Deve-se adorar a mãe de Deus com adoração de latria?

  1. A luz que brilha em Maria Santíssima se origina em Cristo Jesus a ele e só a ele gloria, louvor e adoração. Irmãos lembremos sempre das palavras de nossa Mãe Santíssima:” Eis aqui a escrava do Senhor faça – se em mim conforme sua palavra (Lc 1, 38)” e “Fazei tudo o que Jesus vos disser (Jo 2,5)” Nossa Mãe Santíssima nunca se exaltou, mas todas as gerações devem com toda certeza proclamar acima dos telhados BEM AVENTURADA (Lc 1,48) e com toda liberdade de filhos podemos recorrer a sua interseção. Rogai por nós Santa Mãe de Deus para que sejamos dignos das promessas de Cristo, amem!!!!

  2. Maite says:

    OLá, não sei quem é a pessoa por trás do blog, não sei seu nome, mas gostaria de lhe agradecer por manter esse blog, aprendo muito com ele.Que Deus te abençoe !

  3. David says:

    Muito bom artigo, gosto muito de estudar Mariologia e tenho muita confiança nos textos de Santo Tomás.

    Pax!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: